Depressão e queda de cabelo

Conheça uma opção para reduzir a queda de cabelos no tratamento do câncer
28 de março de 2017
Caspa é sinômino de falta de higiene?
28 de março de 2017
Exibir tudo

Depressão e queda de cabelo

Cada vez mais diagnosticada, a depressão ocupa o topo da lista de queixas em um consultório de psiquiatria. E esses pacientes chegam a nós, tricologistas, com uma grande preocupação: a queda capilar. Afinal, existe relação?

Sim! A depressão pode acarretar danos aos cabelos por si só, tamanho impacto que causa à vida do indivíduo como um todo: desde a sua forma de se alimentar, o estresse causado por essa condição que limita sua vida profissional e social e principalmente a apatia em relação a tudo.

Mais ainda: recente estudo publicado mostrou que a fase de crescimento capilar, fase anágena, diminui em estados depressivos e aumenta a fase de queda, a telógena, mesmo sem uso ainda de medicamentos. Quando o psiquiatra os prescreve, muitas vezes essa queda se torna muito alarmante e desesperadora para esse paciente. E o que fazer? Definitivamente a doença psiquiátrica SEMPRE será priorizada em termos terapêuticos pois pode colocar a integridade física do doente em risco! Normalmente trabalhamos em conjunto, dermatologista/tricologista, psiquiatra e psicólogo, de forma multidisciplinar, para definir medidas cabíveis que não interfiram com o tratamento (comumente os chamados inibidores da receptação de serotonina) e que tragam ao paciente uma melhora significativa no estímulo ao crescimento e melhora da queda. Lembrar ainda que todos os antidepressivos têm o potencial de piorar calvícies preexistentes mas em casos onde não há essa condição prévia, qd o colega diminui a quantidade ou julga poder prescindir da droga, em pouco tempo conseguimos reverter a situação.

Mas lembre-se: nunca faça automedicação e nunca interrompa um tratamento psiquiátrico sem o consentimento do seu médico!!!! Aqui no nosso espaço contamos com uma equipe preparada para acolher e tratar o paciente na íntegra. Com todo o respeito e carinho que ele e todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *